sábado, 28 de janeiro de 2017

Not so special


Mas afinal de contas onde pára o Mourinho? Não estou a falar de quem o pára, estou a perguntar onde é que ele está.

 Onde está aquele homem fantástico que há 11 anos ganhou tudo o que havia para ganhar no Porto, foi para Inglaterra e fez o Chelsea ser o "novo Man United"? Onde está o homem que esteve no Inter e voltou a ganhar tudo o que havia para ganhar? Onde está o homem que fez o Real Madrid brilhar outra vez como Campeão espanhol? 

Depois da segunda volta e do regresso ao Chelsea este homem caiu, resta saber o que se passou, porque a verdade é que nem no United as coisas estão a correr bem. Ocupa o 6º lugar da tabela classificativa com 41 pontos, menos dois que o City. Qual é a desculpa? Ele até tem lá o Ibrahimovic!! O Rooney que é o melhor marcador de sempre dos red devils e mesmo assim, para ganhar um jogo tem sido difícil. 

Será que José Mourinho se cansou de ganhar? Que com a idade começou a ser ao contrário do vinho do Porto? Será que perdeu a capacidade de ser especial? Será que são os jogadores que o estão a tramar? 

Poderíamos dizer que a culpa é das equipas "pequenas" da Premier League terem renovado a sua forma de jogar que as coisas pioraram para o treinador português, mas não, basta ver a tabela classificativa: 


Liverpool, Arsenal, Tottenham e City estão acima do United e em primeiro lugar está a equipa da qual foi despedido a temporada passada onde a grande maioria dos jogadores se mantém. Podemos então dizer que desde que Mourinho saiu o "milagre aconteceu " e eles começaram a jogar como deve de ser e que o objectivo afinal de contas sempre foi fazer a vida negra ao português? 

Não, porque em boa verdade também no United assim é. As dificuldades estão cá ainda e se Mourinho não mostra resultados em duas equipas diferentes a culpa só pode ser do próprio.... Ou se calhar não. 

Podemos também pegar pelo facto de o United nunca mais ter sido o mesmo depois da saída de Ferguson, mas isso só por si também não é justificação.... Prova disso mesmo é que antes do regresso de Mourinho ao Chelsea dizia-se o mesmo e a verdade é que as coisas continuaram na mesma tendo tendência para piorar. 

Eu não deixo de acreditar na qualidade técnica que tem este homem, apesar de a nível pessoal não gostar dele, admiro-o imenso por tudo aquilo que conseguiu fazer desde que escolheu ser treinador e é por isso mesmo que tenho saudades de o ver ser ele próprio, portanto, se alguém souber por onde ele anda que me avise por favor. 


Mariana Cordeiro Ferreira