quarta-feira, 11 de abril de 2018

City x United : Esteve quase!


Qualquer verdadeiro amante de futebol adora um Derby! Seja ele em que liga for, mas, sou sincera, vivo muito mais um Derby português e inglês do que qualquer outro. O Português não o preciso de justificar, apesar de o futebol em Portugal ter muito para crescer ainda..... mas o inglês? Estamos a falar da melhor liga de futebol do Mundo! 

Este fim de semana houve um bocadinho de tudo para todos os gostos e entre o Derby inglês e o espanhol, optei por falar do inglês. Não que seja fã particular do Mourinho, que não sou, mas porque foi um jogo emocionante por si só. 

Falar deste jogo, é estranho para mim. Sou Red Devil. Sou mesmo, mas não consigo suportar certas arrogâncias... Por outro lado, temos o Pep. O dono do tiki-taka, um estilo que não aprecio, mas um treinador que admiro muito.... 

Nem sei muito bem o que dizer sobre isto. Se por um lado queria que o Pep tivesse ganho, e não ganhou porque foi burro e na segunda parte encostou-se!, para calar o Mourinho, por outro lado está o meu United.... 

Bem, mas falando do jogo propriamente dito. Posso resumir o jogo em quatro algarismos : 50%-50%. E para quem viu o jogo sabe que não estou a ser exagerada.... A primeira parte foi citizen. Não há como não! Antes da meia hora já o City ganhava por 2-0. Faltavam 45 minutos... 45 minutos para se tornarem campeões e para o Pep juntar mais um título pela 1ª vez em que chega a uma Liga. Esqueceu-se foi que 2-0, mesmo que em casa, não garante nada depois do intervalo. E foi precisamente isso que aconteceu. 

Vi um Manchester City muito diferente na segunda metade do encontro, sim, até me podem dizer que o facto do Pogba ter marcado dois golos em dois minutos, não ajudou à concentração... Depois o Smalling... dez minutos depois. E o City? Nada. Mesmo tendo acordado e tendo assustado algumas vezes, não adiantou de nada. 

Estávamos a falar do jogo do título e se há alguns que ficaram muito chateados do Pep não ter ganho este sábado, eu sou daquelas que apesar de chateada entende que é isto, que são jogos destes, que fazem com que a Liga Inglesa seja a melhor do Mundo! Cinco golos, divididos em 90m com jogadores de um calibre incrível... A portuguesa? Um dia lá chegará... Ou pelo menos, eu quero acreditar que sim. 



Mariana Cordeiro Ferreira