segunda-feira, 9 de abril de 2018

O melhor ainda está para vir




O futebol feminino está a crescer a olhos vistos, e no mês dedicado a grandes jogos, decidi falar de alguns que me enchem o coração pela emoção e paixão transmitidas. 

No ano de 2017, Portugal fez história ao participar pela primeira vez numa fase final de uma competição. Num grupo com seleções de renome como Espanha e Inglaterra, Portugal foi capaz de jogar “olhos nos olhos”, sem nunca se esconder. Fizemos grandes jogos, e apesar de não nos termos classificado para a fase seguinte, ficou a sensação de que honrámos a camisola, jogámos com as nossas melhores armas, e que com uma “pontinha” de sorte podíamos ter ido mais longe. 

Já este ano, Portugal conseguiu mais um feito inédito ao integrar o pódio da Algarve Cup, um dos torneios de cariz particular, com mais relevância. E onde inclusive ficou à frente de seleções de renome como o Canadá, o Japão ou a Dinamarca. Já no jogo de consagração do 3/4 lugar, Portugal venceu a Austrália, sexta classificada no ranking. Seleções teoricamente mais fortes, mas que as jogadoras lusas souberam vencer com raça, determinação e muita entrega.

A nível nacional, esse crescimento é cada vez mais visível no campeonato. A criação de equipas femininas por partes de clubes de renome como o Sporting e o Braga permitiu que jogadoras lusas regressassem ao seu país. Jogadoras que tiveram de emigrar para serem reconhecidas, mas que agora brilham e dão visibilidade à nossa liga.

Os clássicos entre Sporting e Braga são sempre emocionantes, disputados e de resultado imprevisível. Como adepta de futebol, o clássico mais emotivo foi sem dúvida, o jogo da Supertaça. Onde mesmo a perder durante todo o jogo, a equipa do Sporting nunca desistiu e correu sempre atrás do resultado. Onde nunca nenhuma das equipas deu o resultado como garantido, lutando com todas as suas forças para defender o símbolo que envergavam. Um jogo que dignificou não só as duas equipas, mas sobretudo o futebol feminino.

Atualmente, os media dão cada vez mais importância ao futebol feminino, e a jogadora portuguesa é cada vez mais valorizada nacional e internacionalmente.

O futuro é promissor, e o MELHOR AINDA ESTÁ PARA VIR!! 

Cristiana Ribeiro Pina