terça-feira, 3 de julho de 2018

Se é para morrer, morremos de pé!


Sejamos realistas... Era bom demais para ser verdade. 

Custa-me, mas é a realidade. Tenho a noção de que sonhar é bom, tenho fé na Selecção, mas nunca ninguém nos disse que ia ser fácil ou que iríamos conquistar um sonho logo a seguir a outro. Nunca nos disseram que íamos conseguir que o raio da sorte, conquistada com muito suor e muitas lágrimas, ia cair  duas vezes seguidas no mesmo local, mas também nunca nos disseram que era impossível. 

Chegámos lá, acreditámos, trabalhámos e transpirámos enquanto nos mostraram que podíamos ser a melhor versão de nós mesmos. Fizemos o que podemos com as armas que temos e no fim, as lágrimas foram de todos. Isto é a força de uma selecção que venceu um Euro há dois anos atrás, isto é a força de 11 Milhões de crentes, isto é o amor a uma Nação. 

Digam que eu romantizo demasiado. digam que eu sou a maior maluca por estes gajos, digam que não vale a pena chatear-me por causa de futebol porque quem ganha o dinheiro são eles. Digam que eu sou muito cega e que sofro mais do que toda a gente. Digam-me que eu não tenho noção. A minha frase de resposta é só uma : EU SOU CAMPEÃ DA EUROPA. 

Graças ao Fernando Santos, graças ao Éderzito, graças ao Cristiano, ao Quaresma, ao Patrício e a tantos, tantos outros. Sou Campeã da Europa e vou dizer sempre esta frase com o maior orgulho do planeta! Porque da mesma maneira que disse há uns anos que não ia morrer sem ver Portugal Campeão da Europa, hoje posso dizer, com toda a certeza,   que não vou morrer sem ver Portugal Campeão do Mundo! 



Mariana Cordeiro Ferreira